domingo, 27 de março de 2011

Tripas à moda do pote



Tripas ou dobrada como lhe chamam em prácticamente todo o país, é um prato que não fica muito dispendioso, mas em contrapartida é muito trabalhoso! Isto é se quizerem fazê-lo de raiz! Mas o resultado final compensa largamente o esforço!
É necessário lavar muito bem a dobrada, de preferência em água corrente para que fique bem limpa. Após estar previamente cortada em pedaços, levá-la a ferver uns 10 minutinhos para que fique devidamente "esterelizada" para que possa então ser cozinhada  sem receios. Após essa fervura rejeitar a água e voltar a ferver outra e então aí sim deixar cozer a dobrada até estar no ponto desejado.



Para a confeçção precisa de:
1kg de dobrada cozida
1kg de chispe (prev. cozido,dessossado e aos pedaços)
feijão branco q.b. (prev.cozido)
1 chouriço corrente
bacon(fac.)
1 linguiça
presunto(fac.)
1 cebola grande
2 a 3 alhos
sal q.b.
1 folha grd de louro 
colorau q.b.
salsa q.b.
0,5dl azeite
Nota:  guardar cerca de 0,5l de água da cozedura da dobrada e também da cozedura do feijão. 




Levar a cebola picadinha, com os alhos esmagados e a folha de louro a refogar no azeite.
Em seguida juntar a dobrada com a respectiva água da cozedura e o chispe. Deixar refogar um pouco e ir juntando o chouriço, bacon, chouriça, presunto e deixar refogar mais um pouco. 
Nota:  não refogar os chouriços, bacon e presunto no início porque só libertariam mais gordura.  A dobrada e o chispe já são suficientemente gordurosos, por isso têm que ser cozinhados(se é que se pode dizer assim...)  o mais "light" possível e depois da dobrada.




Juntar então o feijão a salsa e o colorau. Envolver tudo muito bem, para que a mistura de carne fique uniformemente distribuída e não tenha que mexer muito mais para não amassar o feijão.
Se a esta altura, o molho das tripas não for suficiente, juntar então a água de cozedura do feijão até conseguir a quantidade de molho desejado. Deixar apurar tudo muito bem.




Aqui fica o resultado final......Que vos garanto que dentro daquilo que é possível fazer, não ficam muito gordurosas. Servir com arroz bem seco.



É claro que não deixa de ser um prato altamente calórico, mas uma vez por acaso....Até se perdoa o mal que faz, pelo bem que sabe.........Se sabe!!!





Sem comentários:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...